Quero Sal…

…em tudo, um pouco!

Esta é a paz que quero seguir? 25 de setembro de 2010

Filed under: EUA,Vida — ... @ 23:35

Humor do dia: querendo gastar dinheiro. Não me leve  tão a sério neste post. Quero aprender com todos…mas tem coisa tenho que falar! Não sou preconceituosa, pelo contrário eu no meu mundo rosa achava que o mundo se amava.

O mundo é a Torre de Babel? Por que as pessoas não se gostam? Milhares e milhares de jovens fazem intercâmbio e sempre se fecham em grupos e isto mostra muito o preconceito. Questão política? Cultural? ou somente racial? Pode ser que não seja exatamente assim, mas é o que tenho reparado e vivido nos Estados Unidos.

Aqui vai uma pequena lista com minhas observações. Pessoas da:

China: Não conseguem falar inglês, possuem forte sotaque. Riem alto e parecem pokemons. As pessoas costumam excluí-los dos grupos. Possuem forte hálito. Tiram fotos de tudo e andam sem ver as outras pessoas. Alemães e franceses não gostam dos chineses.

Alemanha: Pessoas fortes, com tom de voz firme, falam alto, impõem o que pensam e o que querem. Falam mal dos Estados Unidos, porém estão aqui estudando. Acham tudo na Alemanha melhor, até mesmo o metrô (ah deixa eu mostrar São Paulo e Rio de Janeiro, na vida nada é perfeito, só tem que aprender a viver com o ruim e o bom, o rico e o pobre. Este povo não sabe o que é pobreza mesmo).

França: Este povo realmente não toma banho. Conheci quatro francesas. Todas eram estranhas. Bigotes e com marca de curativo de meses e meses. Não se importam com o cabelo muito menos com roupas. Gastam bastante dinheiro com comida e fazem programas estranhos.

Brasil: Sempre andam com camiseta do Brasil ou com boné (eu também). Paqueram muito bem e são mal vistos aqui. Dizem que só queremos namorar, gastar dinheiro e quem sabe fazer alguma coisa errada. Os brasileiros costumam ser amigos de todos os povos.

África do Sul: Conheci cinco mulheres. Três eram loiras e peruas e duas eram negras e me ignoraram. Elas falam muito bem inglês. Senti-me muito esnobada por elas, não fizeram questão de conversarem comigo. Acho que não gostam de brasileiras.

Índia: Sofrem muito. Ninguém parece gostar dos indianos. Eles parecem gastar muito dinheiro, mas parecem serem pessoas boas com algumas coisas estranhas, como o olhar.

Colombia: Pessoas muito legais, porém algumas vezes se fecham em grupos só de colombianos. São prestativos, mas as mulheres colombianas se transformam em mulheres americanas e esquecem a origem.  

El Savador: Adorei conhecer pessoas desse país! Até agora me identifiquei mais. São alegres, divertidos, sentimentais, porém ainda não tenho certeza se tenho ou não amizade com este povo. As mulheres não gostam das mexicanas, por que será?

Mexicanas: Adorei também. Conheci duas, uma de 40 e poucos anos e outra de 22 anos. Well, elas são muito prestativas e sabem o que querem da vida. Possuem força de vontade como ninguém e não esperam nada dos outros!

Bárbara: Perdida nos States e deixando o mundo cor de rosa.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s